Facebook

Twitter

Copyright 2015 Leandro Fialho Consultório Jurídico.
Todos os direitos reservados.

Facebook

LinkedIn

Menu

A Arbitragem como Solução

 

A arbitragem é um método alternativo para solução de conflitos, assim como a mediação e conciliação.

Nesse método, as partes definem um ou mais árbitros imparciais para analisar e resolver o caso. Não há participação do Poder Judiciário.

 

Podem ser submetidos à arbitragem somente os casos que tratem de direito disponível.  Ou seja, a demanda não pode ser relacionada a questões criminais, familiares ou relativas a impostos.

Características da Arbitragem

Escritório de Advocacia - Arbitragem: Como funciona? - Advogado BH
A arbitragem é uma alternativa célere, desburocratizada e de fácil acesso para resolução de problemas, ideal para casos que exigem respostas rápidas.

Um processo de arbitragem é caracterizado pela informalidade. No entanto, ele é dotado de procedimento escrito e regras previamente definidas pelas próprias partes, ou por órgãos arbitrais.

 

Outra característica é a celeridade, visto que oferece decisões (sentenças arbitrais) em um prazo muito menor em relação às decisões judiciais.

 

O prazo para conclusão do processo arbitral pode ser definido pelos próprios participantes ou, caso não seja estabelecido previamente, o prazo máximo será de seis meses, conforme determina a Lei de Arbitragem (Lei nº 9607/96).

A arbitragem se apresenta como uma alternativa célere, desburocratizada e de fácil acesso para a solução definitiva de problemas. É ideal para casos que exigem respostas rápidas, para evitar que o litígio perca seu objeto e torne ineficaz a decisão tardia  (o que frequentemente acontece nas vias do Poder Judiciário), gerando prejuízos ainda maiores para as partes.

 

Normalmente os árbitros ajudam as partes a entrarem em acordo. No entanto, caso não façam um acordo, os árbitros têm o dever de emitir uma decisão para o caso, que se constituirá na sentença arbitral (conhecida também como laudo arbitral).

 

A sentença arbitral tem o mesmo efeito da sentença judicial, e deverá ser  cumprida obrigatoriamente pelas partes envolvidas na controvérsia.

Para utilizar a arbitragem, basta que as partes estabeleçam uma cláusula arbitral no contrato a firmar, ou façam um acordo posterior ao surgimento da controvérsia, estabelecendo um contrato chamado contrato de Compromisso Arbitral.

 

A cláusula arbitral, ou o compromisso arbitral, inibe a instauração de uma ação na justiça. Desta forma, ao definir um compromisso arbitral, as partes estarão automaticamente abrindo mão de discutir o assunto na Justiça.

Arbitragem – Principais Vantagens

Na arbitragem, as partes podem fixar o prazo para o árbitro proferir a sentença arbitral. Por isso, a agilidade é o maior destaque desse método quando comparado ao processo judicial.

 

Além disso, e não menos importante, a arbitragem é um processo sigiloso. Por isso, nada poderá ser divulgado a terceiros, evitando danos de imagem, constrangimentos e prejuízos pela exposição pública de conflitos envolvendo pessoas ou empresas. O que muitas vezes acaba acontecendo no curso de um processo judicial, que é público.

Qualquer pessoa pode ser um árbitro, bastando apenas que seja pessoa capaz e tenha a confiança das partes.

 

Na arbitragem haverá um ou mais árbitros, sempre em número ímpar. Eles serão os responsáveis pela produção de uma decisão arbitral técnica/especializada.

 

Por exemplo, as partes poderão escolher um engenheiro especialista para ser o árbitro que resolverá um conflito que verse sobre um problema estrutural de uma obra.

Arbitragem – Estímulo à Cooperação

O estímulo à colaboração das partes na busca de soluções consensuais pode evitar animosidades, ampliando as possibilidades de se preservar a relação entre os envolvidos durante e após o procedimento arbitral.

 

A informalidade e a linguagem simples do processo arbitral contrastam com a formalidade do Judiciário.

 

Na arbitragem, como dito anteriormente, as partes têm flexibilidade para definir as regras do procedimento. Elas podem definir, por exemplo, o árbitro, o local da arbitragem e até mesmo a lei que será utilizada em cada caso concreto.

Arbitragem – Deveres do Árbitro

Como dito, as partes podem indicar o árbitro para a solução do conflito existente entre elas. No entanto, para dar andamento ao processo arbitral, o árbitro indicado deverá ser independente em relação às partes. Ou seja, ele não pode ter interesse na causa, devendo agir com imparcialidade, competência, diligência e discrição.

 

A Lei confere aos árbitros a condição de juiz privado, atribuindo-lhe as capacidades de juiz de fato e de juiz direito no caso concreto em que atuar. Por isso, deve ele atuar com as mesmas responsabilidades e compromisso de um juiz de direito.

 

Assim sendo, a sentença arbitral parte dos mesmos princípios que a sentença judicial, e produz os mesmos efeitos desta.

Estamos aqui para ajudar

Fale conosco!

Copyright 2020 Leandro Fialho - Consultório Jurídico

Notícias Relacionadas

Testamento - Abertura de testamento, registro de testamento e cumprimento de testamento - Advogado BH

O testamento é um ato de disposição de última vontade realizado para dar destinação a bens ou direitos após a morte, conforme a vontade do Testador (pessoa que está dispondo dos seus bens). Apesar de não ser muito comum no Brasil, os testamentos são feitos, geralmente, para privilegiar um ente querido, ou mesmo para evitar brigas entre os herdeiros em …
Abrir
Contrato de Alguel Comercial - Revisão do Aluguel - Redução do Alguel

O contrato de Aluguel Comercial se tornou um assunto bastante discutido nos últimos dias. Isso porque, sem sombra de dúvidas, o atual quadro de pandemia causado pelo Coronavírus atingiu as relações contratuais de uma forma jamais vista, causando efeitos diretos nas relações contratuais. E não foram só os contratos de aluguel comercial que sofreram impactos nesta crise de saúde. Diversos …
Abrir
Usucapião - Advogado Usucapião BH - tipos de usucapião

Se você quer saber com clareza e exatidão o que é Usucapião, você chegou ao lugar certo! Preparamos um artigo completo sobre o que é e como fazer uma ação de Usucapião para esclarecer, definitivamente, as principais questões que envolvem esse tema. Ao final, você conhecerá todas as exigências desta ação, e estará apto a identificar, com exatidão, as possibilidades …
Abrir
Usucapião Urbano | Advogado para ação de usucapião urbano em Belo Horizonte

Você sabe quais são os passos necessários para concluir, com sucesso, uma ação de Usucapião? Apresentaremos aqui a modalidade de Usucapião mais demanda atualmente: o Usucapião Urbano (ou Usucapião Especial Urbano). Apresentaremos aqui as características dessa modalidade e um passo a passo para o seu processamento. Vamos lá? USUCAPIÃO URBANO A princípio, é importante destacar que a modalidade do Usucapião …
Abrir
Registro Imóvel Certidão Negativa - CND - Advogado imobiliário - Advogado BH

“Não há mais que se falar em comprovação da quitação de créditos tributários, de contribuições federais e de outras imposições pecuniárias compulsórias para o ingresso de qualquer operação financeira no registro de imóveis”. Assim decidiu o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em decisão colegiada realizada no dia 25/10/2017. Em resumo, uma exigência comum que motivava a emissão de notas devolutivas …
Abrir
Usucapião Extrajudicial e Judicial | Área mínima para pedir usucapião - tamanho do imóvel - Advogado usucapião belo horizonte - área mínima

Fazer Usucapião está se tornando cada vez mais rápido! Por maioria de votos, ao decidir sobre a área mínima de um terreno para fazer Usucapião Especial Urbano, o Supremo Tribunal Federal decidiu que: “Preenchidos os requisitos do art. 183 da Constituição Federal, o reconhecimento do direito à usucapião especial urbana não pode ser obstado por legislação infraconstitucional que estabeleça módulos …
Abrir
Advogado Usucapião Belo Horizonte - Regularizar Imóvel - Usucapião BH

Antes de mais nada, é importante falar para você que, apesar de ser popularmente conhecido como “Uso Campeão“, o nome correto deste instituto jurídico é Usucapião. E que, muita gente não sabe, o Usucapião pode ser utilizado tanto para a aquisição de bens imóveis quanto para a aquisição de bens móveis. Caso você esteja procurando um Advogado Especialista em Usucapião, …
Abrir
Usucapião Judicial e Usucapião Extrajudicial - Regularização de Imóvel - Advogado BH

Por Leandro Fialho Popularmente conhecida como Uso Campeão, “a” Usucapião é uma forma legal utilizada para aquisição da propriedade de um bem, seja ele móvel ou imóvel. Diferentemente da Compra e Venda, por exemplo, que se dá através da transmissão de um bem mediante o pagamento de um valor previamente estabelecido, na Usucapião a aquisição da propriedade do bem se …
Abrir
Advogado Imobiliário - Construção em Área Comum do Condomínio - Advogado Belo Horizonte - áreas comuns

Discussões sobre a utilização de áreas comuns em condomínios residenciais são mais recorrentes do que se imagina, principalmente quando o assunto é construção de benfeitorias. Na maioria dos casos, discute-se a utilização exclusiva da laje e da área do piso térreo no entorno do edifício, popularmente conhecida como área privativa, para ampliação da estrutura do imóvel. A chave para solução …
Abrir
Direito do Trabalho - Reclamatória Trabalhista - Demissão sem e com Justa Causa - Consultório Jurídico BH - Escritório de Advocacia

O Direito do Trabalho é a matéria jurídica que trata das relações de trabalho e emprego, e é direcionado, principalmente, para a proteção dos empregados. É através do direito do trabalho que se busca a reparação de eventuais prejuízos sofridos na relação trabalhista. Muito se fala sobre “Relação de Trabalho” e “Relação de Emprego”. Você sabe a diferença entre …
Abrir

Carregando...;

Nenhum comentário por enquanto. Seja o primeiro a comentar!

Deixe um comentário

×